Blog de Desenvolvimento e Marketing Digital

1 de setembro de 2020 8 min de leitura Loja virtual Marketing Presença digital Site Venda online

Entenda como você pode vender no Mercado Livre

O Mercado Livre é tido como o "professor" para quem quer começar a vender online. Quer entender porque? Acompanhe!

O Mercado Livre, a maior e mais popular plataforma de Marketplace do Brasil, contabilizou em 2020 cerca de 1,4 milhões de pedidos entregues em um dia. A expansão do e-commerce no período de pandemia, fomentou a procura do varejo pelo comércio online, uma vez que de portas fechadas, essa é a forma mais efetiva para chegar ao cliente final. 

De fato, o ML é uma plataforma intuitiva e qualquer empresa ou vendedor individual pode se cadastrar nele. Porém, assim como o varejo físico, é preciso esforço e dedicação para se destacar. 

Imagine: seus produtos expostos em uma vitrine online para todo o país. Além da estética e prazos de entrega, existe uma série de fatores relevantes devem ser analisadas. 

Primeiramente, para vender no Mercado Livre é preciso realizar seu cadastro como vendedor.  As opções variam entre pessoas física com CPF, MEI (Micro Empreendedor Individual) e CNPJ que é ME Micro Empresas.

Neste artigo, você vai entender as funcionalidades do Mercado Livre e como iniciar suas vendas online. 

O que é o Mercado Livre?

O Mercado Livre está em funcionamento desde 1999 e se tornou o maior site de comércio eletrônico do Brasil. Atualmente, ele está presente mais 18 países, sendo o maior marketplace da América Latina e com o maior número de visitas no Brasil, cerca de 52 milhões por mês.

Se compararmos aos sites de buscas e mídias sociais mais acessados no país como Google e Facebook, o Mercado Livre possui alcance significativo, sendo o 5º site mais acessado, conforme estudo apresentado pelo ComScore de janeiro de 2018. Isso deixa claro a sua credibilidade e a solidez desse canal de vendas.

Um dos fatores mais importantes para gerar vendas no Marketplace, é a quantidade de pessoas que a visitam por mês. Quanto maior o volume, maior a chance das pessoas conhecerem e comprarem. A cada segundo, o Mercado Livre efetiva 9 vendas e recebe 6.000 buscas.

 

Quais os custos para vender no Mercado Livre?

Para entender quanto custa vender um produto no Mercado Livre, primeiro é preciso entender como funciona o cadastro de produtos, os chamados “anúncios“. Existem 3 modalidades: Grátis, Clássico e Premium. Lembre-se que o valor mínimo de cada produto deve ser de R$7,00.

Na tabela abaixo, você pode conferir as vantagens e desvantagens de cada categoria de anúncio. Um único produto pode estar cadastrado nas 3 modalidades. Sendo assim serão 3 anúncios: um anúncio para grátis, um para clássico e um para premium. O anúncio premium possui mais alcance e exibição do que os anúncios clássico e grátis. 

 

 

 

Entenda cada categoria de anúncio: 

Anúncio Grátis

Se o vendedor optar pela opção de anúncio grátis, ele não paga comissão ao Mercado Livre pela venda feita. Todo produto que ultrapassar o valor de R$ 99,00, terá frete grátis para o comprador, ou seja, o vendedor irá arcar com o valor do envio.

Pontos importantes

  • Baixa exibição do produto
  • Tempo de permanência do anúncio: 60 dias. Após esse período, você deve cadastrar o produto novamente e perderá posicionamento e visualização, o que é desfavorável para a venda.
  • Não permite parcelamento sem acréscimos. Caso o comprador deseje parcelar, terá que pagar juros.
  • Você pode anunciar produtos usados com limite de 20 vendas por ano
  • Para produtos novos, você pode anunciar até 5 vendas por ano
  • O anúncio grátis é recomendável para produtos de valores baixos ou que sejam uma promoção rápida

Anúncio Clássico

  • É um intermediário entre premium e grátis, a maior vantagem é não possuir limite tempo de exibição.
  • Possui mais visibilidade que o anúncio grátis
  • Cobra comissão de 10% a 14%sobre o venda realizada
  • Produtos com valor superior a R$ 99,00 tem o frete grátis (estes valores foram alterados em agosto de 2020). A responsabilidade do envio é do vendedor
  • Produtos abaixo de R$99,00 tem uma taxa fixa de R$5,00 por cada unidade vendida

Demonstrativo:

Exemplo 1 – Venda de 1 unidade

  • Valor por unidade do produto: R$ 20

Anúncio: Clássico (em um produto com 11% de comissão)

R$ 20 x 11% + R$ 5 = R$ 2,20

R$ 2,20 + R$5 = 7,20

R$ 7,20 – é o valor que o Mercado Livre está cobrando pela venda.

Exemplo 2 – Venda de 3 unidades

  • Valor por unidade do produto: R$ 20

Anúncio: Clássico (em um produto com 11% de comissão)

R$ 60 x 11% + R$ 5 +  R$ 5,00 + R$ 5 = R$ 6,60

R$ 6,60 + R$15 =

R$ 21,60 – é o valor que o Mercado Livre está cobrando pela venda.

Anúncio Premium

  • O Anúncio Premium é o que mais traz visualizações
  • É mais caro, possui uma comissão de 15% à 19% sobre a venda realizada
  • Tempo de exposição é ilimitado
  • É o anúncio que tem prioridade na busca, nas visualizações e possui a maior exposição dos produtos, sendo o primeiro a ser apresentado quando alguém faz a busca
  • Permite o parcelamento sem juros e em até 12x
  • Produto com valor superior a R$ 99,00 tem o frete grátis. Estes valores foram alterados em agosto de 2020. A responsabilidade do envio é do vendedor.
  • Produtos abaixo de R$ 99,00 tem uma taxa fixa de R$5,00 por por cada unidade vendida

Demonstrativo:

Exemplo 1 – Venda de 1 unidade

  • Valor por unidade do produto: R$ 20

Anúncio: Premium (em um produto com  15% de comissão)

R$ 20 x 15% + R$ 5 = R$ 3,00

R$ 3,00 + R$5 =

R$ 8,00 – é o valor que o Mercado Livre está cobrando pela venda.

Exemplo 2 – Venda de 3 unidades

  • Valor por unidade do produto:R$ 20

Anúncio: Premium (em um produto com 15% de comissão)

R$ 60 x 15% + R$ 5 +  R$ 5 + R$ 5 = R$ 9,60

R$ 9,60 + R$ 15 =

R$ 24,00 – é o valor que Mercado o Livre está cobrando pela venda.

Recentemente, o ML divulgou alterações no valor das comissões em todos os anúncios. Antes, as comissões do Mercado Livre eram de 11% nos anúncios clássicos e 16% premium para todas as categorias. A partir do dia 20/08/2020,  os valores começaram a ser diferenciados por categorias, sendo que algumas tiveram acréscimo e outras diminuíram as comissões. Confira a nova tabela:

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀


⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

E-commerce ou marketplace: entenda qual a plataforma ideal para o seu negócio.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀


⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Pessoa física precisa emitir nota fiscal para vender no Mercado Livre?

Depende. Essa dúvida é muito comum, mas a resposta varia pois existem muitas restrições. Vamos lá:

Uma pessoa física que não tem empresa constituída, não é obrigada a emitir nota fiscal desde que o valor de vendas por mês não ultrapasse R$ 12.000,00. Caso isso aconteça, será solicitado que entre com os seus dados fiscais. Uma outra restrição acontecerá caso você queira utilizar o Mercado Coletas, que é um serviço do Mercado Livre no qual a transportadora exige a nota fiscal para realizar as entregas.

Dica importante: O ML está ativando o serviço de Mercado Coletas para todos os vendedores de forma gradativa, ou seja, futuramente todos os vendedores deverão possuir CNPJ.

A solução é abrir um MEI (Micro Empreendedor Individual), que não exige nota fiscal (no caso de venda para pessoa física) e também possibilita faturamento anual de R$80.000,00. Assim, você começa da forma certa sem dores de cabeça. Isso faz toda a diferença!

Vale lembrar que o custo do MEI em 2020 está entre R$52,25 e R$58,25. Embora a emissão de NF-e seja opcional para empresas do tipo MEI, a participação no Projeto NF-e é aconselhada.

Dica importante: o MEI já capacita você a vender no marketplace do Grupo B2W (Submarino, Americanas e Shoptime).

Todos querem vender e economizar os custos, mas é fundamental lembrar que a nota fiscal é um direito do consumidor. Ela dá a garantia do produto caso ele dê algum problema. Você gostaria de receber um produto sem nota quando comprar pela internet?

O que é a reputação Mercado Livre? Como ela influencia nas sua vendas?

Antes de começar a jornada de vendas, é necessário entender que o Mercado Livre classifica os vendedores por um sistema reputação. Essa qualificação possui fases de cores: vermelho, laranja, amarelo, verde claro e verde escuro.

O termômetro influencia diretamente na visibilidade do seu anúncio. Se você está no vermelho, laranja e amarelo, seus anúncios terão baixo alcance e consequentemente, poucas pessoas irão encontrar o seu produto. Por isso, é importante conseguir a reputação verde claro e escuro, para que seus anúncios tenham mais visibilidade e automaticamente, mais vendas.

Existem 3 níveis de medalhas dentro do Mercado Líder que acompanham as reputações. Lembrando que somente que está no verde escuro pode ser MercadoLíder

Benefícios do Mercado Líder para vendedores

  • Anúncios com prioridade e mais visibilidade nas buscas. Quanto mais alta é a sua medalha, maior é a exposição dos seus anúncios na lista
  • Atendimento personalizado via chat por parte do Mercado Livre
  • Capacitação e aconselhamento de venda por meio de reuniões presenciais e online 
  • Acesso a operadores múltiplos, o que permite que seus empregados acessem o seu cadastro sem a necessidade de utilizar a sua senha pessoal
  • Manutenção gratuita do eShop
  • Frete grátis pelo Mercado Envios com 50% de desconto em produtos novos a partir de R$ 120.

Agora que você já sabe o que é Mercado Líder e todos os seus benefícios para o vendedor, é preciso ficar atento às modificações nas políticas de reputação. No dia 27 de março de 2019 por exemplo, houve uma alteração que fez muitos vendedores perderem a medalha de MercadoLíder e serem rebaixados para a linha amarela.

Listamos os novos critérios para a reputação do MercadoLíder:

  • Ter menos de 5% de vendas canceladas com devolução de dinheiro
  • Tempo de postagem de 24 horas úteis para envio do produto nos correios ou transportadora
  • As reclamações não podem ultrapassar mais que 3% do total de vendas. A cada 100 vendas, somente 3 pedidos podem ter reclamações
  • Tempo de atraso de postagem agora é 15% do seu total de vendas. A cada 100 vendas, só 15 pedidos podem ter algum atraso. 
  • Mediações não podem ultrapassar de 1% de reclamações.  Assim, uma reclamação que você consegue resolver com o cliente não conta, mas as mediações que o Mercado Livre resolver não devem ser mais de 1%. A cada 100 vendas, só uma pode entrar um mediador

Agora que você entende o potencial que Mercado Livre tem a oferecer e qual o seu nível de competitividade, você já pode iniciar suas vendas. Mas lembre-se: sua dedicação de tempo, foco e determinação serão os pontos que farão diferença para você ter um resultado positivo.

 

Time da Onlinesites
Escrito com por:
Time da Onlinesites
Compartilhar artigo:

Certificações e Parcerias

Marketing Digital e Criação de Sites - Onlinesites - Certificado
Marketing Digital e Criação de Sites - Onlinesites - Certificado
Marketing Digital e Criação de Sites - Onlinesites - Certificado
Marketing Digital e Criação de Sites - Onlinesites - Certificado
Marketing Digital e Criação de Sites - Onlinesites - Certificado

Endereço

Av. Cel. Júlio Ribeiro Gontijo, Nº 321
Bairro Esplanada Divinópolis - MG - Brasil