4 dicas essenciais para cadastrar os produtos no seu e-commerce

Tempo de Leitura: 7 minuto(s)

Cadastrar produtos em e-commerce parece ser um tarefa fácil, porém muitas vezes ela não é colocada em prática da forma correta, o que acaba prejudicando bastante as vendas online. Levando isso em consideração, nunca se esqueça de que essa parte do processo demanda cuidado e planejamento. Tudo com o objetivo de chamar a atenção das pessoas e contribuir para aumentar as vendas. 

Segundo dados do E-commerce Quality Index (EQI), 72% das maiores empresas varejistas online não entregam uma experiência de qualidade ao cliente em relação à informação dos produtos. Ou seja, faltam especificações e características importantes a respeito dos itens que estão sendo vendidos, e isso faz com que os clientes não finalizem a compra.  

Logo, é importante ressaltar que um cadastro de produto bem feito aumenta a relevância dos itens no marketplace e melhora significativamente as vendas.

Para cada produto, por exemplo, é necessário colocar um título chamativo, uma boa descrição, bem como uma imagem que chame a atenção e possua destaque nas buscas online, contribuindo assim para a otimização do seu e-commerce nos mecanismos de busca. Tudo isso faz parte das estratégias SEO (Search Engine Optimization), as quais visam a otimização da sua loja virtual nas pesquisas orgânicas. 

Ficou curioso para saber mais sobre como cadastrar produto em e-commerce? Então continue lendo este artigo que vamos esclarecer suas dúvidas.

Como cadastrar produto em e-commerce 

Em primeiro lugar, antes de entender de fato como cadastrar produto em e-commerce, uma dica muito importante é criar um padrão para todas as suas descrições, certo? Em outras palavras, descreva sempre os produtos seguindo alguns aspectos pré-definidos. Isso mostrará o profissionalismo da sua loja aos possíveis clientes. 

Além disso, é interessante também melhorar o cadastro dos itens periodicamente, com o objetivo de deixar as pessoas atualizadas. Alguma coisa mudou? Um produto esgotou? Então atualize isso no cadastro para evitar dúvidas e problemas.

Com essas informações em mente, veja algumas dicas importantes de como cadastrar produto em e-commerce. 

1. Faça boas descrições

Antes de cadastrar qualquer produto, a primeira coisa que você precisa fazer é criar uma boa descrição para ele. Afinal, como já deu para perceber, descrições pobres em informações ou incompletas são as grandes responsáveis pelas desistências nas compras online. Nunca insira somente a ficha técnica do fornecedor, isso porque muitas vezes esse conteúdo não está redigido da forma mais fácil para o entendimento do comprador. 

Segundo o EQI (E-commerce Quality Index), as descrições completas que satisfazem os clientes têm no mínimo 900 caracteres. Pode parecer que um número alto, porém este é o espaço que você possui para convencer seu cliente de que aquele é o melhor produto para ele. Você pode enumerar as qualidades, inserir as vantagens e os diferenciais de cada produto. 

O importante mesmo é investir nas descrições e conseguir chamar a atenção de possíveis clientes por meio delas. Para você já se habituar com esses datalhes, a tela de cadastro da Nuvemshop, por exemplo, é assim:

2. Tenha cuidado com as imagens

Além da descrição, outra coisa que as pessoas olham bastante ao procurar por algum produto são as imagens dele. Por isso, tenha cuidado com as imagens que colocará na sua loja virtual, certo? Procure sempre inserir fotos com a melhor qualidade, resolução e tamanho

Uma dica importante nesse sentido é colocar mais de uma imagem para cada produto, de ângulos e distâncias diferentes, ora mostrando o item todo e ora focando apenas em algum detalhe. Isso faz com que o cliente tenha certeza daquilo que está comprando e evita ao máximo pedidos de troca ou devolução. Colocar vídeos bem produzidos mostrando os produtos é também um ótimo investimento. 

Assim como as descrições, as imagens devem manter um padrão para deixar o conteúdo da sua loja virtual agradável para o cliente.

3. Utilize sempre SKU

Você já ouviu falar sobre SKU? Pois bem, SKU é a sigla de Stock Keeping Unit, que em tradução livre significa Unidade de Controle de Estoque. Em resumo, é um código de identificação de produtos em estoque,assim como um código de barras, a grande diferença é que ele é feito de siglas. 

Vale ressaltar que quando associado a uma loja virtual o SKU facilita os trâmites legais, causando a eficiência dos processos. 

Cada empresa possui seu próprio sistema de código SKU, e nele estão computados os seguintes dados (todos em formato de sigla): das empresas fabricantes, da empresa comercializa o produto, do próprio produto, do material usado na fabricação, das características físicas do produto e do tipo de embalagem utilizada.

Para se ter uma ideia melhor, veja o exemplo de um SKU de um produto de uma papelaria: 

CT-S140-BR-D531

A sigla CT é a marca da cartolina, o S140 indica o tipo do papel com gramatura, que no caso é o tipo simples com gramatura de 140 gramas, o BR indica a cor do papel, que é especificamente branca e, por fim, o D531 é o número do lote do produto.

Sendo assim, tendo seus produtos identificados dessa maneira é muito mais fácil gerenciar seu armazém, já que em uma linha você consegue ter as informações necessárias para saber a quantidade e tipo de produtos em estoque. Trabalhando o fluxo de produtos, fica mais fácil encontrá-los no espaço físico, e melhora a eficiência da comunicação entre armazém e loja virtual. Tudo isso, é claro, além de facilitar o cadastro dos produtos online.

4. Estude o comportamento do consumidor

Para finalizar, outra dica fundamental para o cadastro de produto em e-commerce é conhecer e estudar o comportamento digital do seu público-alvo

Entender seu consumidor é essencial para poder vender seu produto da melhor maneira. Na verdade, colocar-se no lugar dele deve ser um exercício comum ao se cadastrar os produtos no e-commerce. Nesse sentido, faça as seguintes perguntas: “Se eu fosse comprar isso, eu entenderia tudo? Está bem explicado? Bem detalhado?”.

Além disso, não deixe de fazer pesquisas periodicamente a fim de saber como as outras lojas estão apresentando seus produtos e procurar saber se as ações estão sendo eficientes.

Portanto, é de suma importância cadastrar produto em e-commerce da maneira correta. Quando o cadastro é feito como parte da estratégia de posicionamento, cria-se uma padronização, com informações relevantes tanto de texto como de imagens, capaz de cativar o consumidor. 

Entretanto, após o cadastramento seria interessante investir em soluções para ouvir seu cliente, com o objetivo de sanar suas dúvidas em relação aos produtos que estão no seu sistema, criar um diálogo e saber o que usuário procura e necessita. Isso é o diferencial para garantir não só a compra, como a fidelidade do consumidor. Afinal, ao optar por uma loja virtual, o cliente procura comodidade e praticidade.

Agora que você tem as dicas essenciais de como cadastrar produtos em e-commerce, invista nesse processo para impulsionar seu negócio da melhor maneira possível.

 

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM DE:

Sobre Nós

Atualmente, estar presente no meio digital é primordial para a sobrevivência de qualquer negócio. A ONLINESITES está a 15 anos desenvolvendo sites e estratégias de marketing digital para empresas de vários segmentos do mercado. Em nosso portfólio temos mais de 350 clientes ativos no Centro Oeste Mineiro, região metropolitana de Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro.

Marketing Digital e Criação de Sites - Onlinesites.
Av. Cel. Júlio Ribeiro Gontijo, 321 - Esplanada
Tel.: (37) 3221-5817

Marketing Digital e Criação de Sites - Onlinesites

© 2019 - Todos os direitos reservados